Olá, como podemos ajudar você?
Buscas em destaque:

    Como cadastrar transportadoras via planilha

    Publicado em: 3/16/2021, 11:05:50 AM


    A Planilha de frete é utilizada para facilitar o cadastro das transportadoras dentro de sua loja virtual.


    Assista o tutorial em vídeo:


    Ou, se preferir, siga as instruções abaixo para configurar uma transportadora via planilha na sua loja virtual:


    Como inserir a planilha de transportadora

    Para cadastrar as transportadoras via planilha .csv, você precisará seguir o padrão determinado pela Dooca. Para isso efetue o download do modelo dentro da plataforma, no campo Arquivo de importação. 


    1º Acesse o menu Configuração e clique em Formas de envio.

    2º Role até o campo Transportadoras e clique em Adicionar. 


    • Nome interno: Esse campo é onde você cadastrará o nome da transportadora para controle interno.
    • Nome exibido na loja: Insira o nome da modalidade de frete, que ficará visível na sua loja virtual.
    • Link de rastreio: Informe o link de rastreio desta transportadora. Se preenchido, este link será enviado para o cliente no e-mail transacional de despacho de pedido, juntamente com a descrição de rastreio.
    • Descrição de rastreio: Neste campo você poderá indicar ao cliente como funcionará o rastreio do pedido. Em alguns casos é necessário inserir o número da nota fiscal, ou um código específico, que poderá ser informado no momento do despacho do pedido.


    3º Após preencher os dados de cadastro clique em salvar para exibir o botão de importar de um arquivo .csv


    4º Caso você ainda não tenha feito o download da planilha, clique no campo de Arquivo de importação, baixe a planilha e cadastre as rotas.


    • Titulo: Insira o nome da rota que você está cadastrando para melhor organização de sua planilha.
    • CEP inicial: Faixa inicial de CEP para a aplicação da regra de frete. Utilize o formato 00000-000.
    • CEP final: Faixa final de CEP para a aplicação da regra de frete. Utilize o formato 99999-999.
    • Peso inicial: Peso inicial para a regra de frete. Utilize o formato 0,00, como por exemplo 0 kg.
    • Peso final: Peso final para a regra de frete. Utilize o formato 90,45, como por exemplo 90,45 kg.
    • Valor: Tarifa a ser cobrada do cliente, caso ele se enquadre nas faixas de CEP e peso cadastradas. Utilize o formato 20,00 como por exemplo R$20,00 de frete.
    • Prazo de entrega: Prazo de entrega a ser exibido ao cliente. Esse prazo de entrega será somado aos dias adicionais de separação e/ou dias adicionais de venda sem estoque. Como por exemplo 10 dias.
    • Preço adicional por Kg: Esse é o valor que será multiplicado pelo total de kg's do pedido e somado ao valor do frete. Utilize o formato 0,90, como por exemplo, R$0,90.
    • Preço de seguro: Esse campo é para que você insira o valor do seguro do produto no preço final, esse percentual será multiplicado pelo valor total do pedido e somado ao valor do frete. Utilize o formato 0,02, que no caso será calculado como 2% sobre o valor do pedido.


    Como é calculado o frete das transportadoras?

    O cálculo do frete das transportadoras é realizado conforme as informações cadastradas na planilha de frete. Confira abaixo as informações que formam esse cálculo. 

    • Percentual do seguro: O valor percentual do seguro é calculado conforme o preço bruto do produto. Esse percentual será multiplicado pelo valor total do pedido, e somado ao valor do frete. Utilize o formato 0,02, que no caso será calculado como 2% sobre o valor do pedido.
    • Adicional por KG: O adicional por KG é contabilizado conforme o peso do produto, caso você insira um adicional de R$2,00 por KG e o seu produto tenha 4kg, o valor do adicional de KG será de R$8,00. 
    • Taxas Adicionais: Essa opção contabiliza o valor inserido na aba de Taxas Adicionais, caso você crie um adicional específico para determinado CEP, ou produtos. Para cadastrar as taxas, acesse nosso artigo de Taxas Adicionais.


    Exemplos de uso:

    Suponhamos que você deseja vender um produto com o peso de 10kg. Nesse caso, o produto custa R$100,00 e o frete R$20,00.

    Caso o percentual de seguro desse produto seja de 10%, com um adicional de R$2,00 por KG e você tenha cadastrado uma taxa adicional de R$10,00 para o CEP escolhido. O valor total do produto será de R$150,00, pois equivale ao valor bruto de R$100,00 do produto, somado ao valor de frete, incluindo as taxas e valores adicionais. 


    Exibição na loja

    Transportadoras:

    3.png


    A transportadora cadastrada não está exibida na loja virtual. E agora?

    Se a transportadora não está exibindo na loja virtual, verifique as seguintes configurações:


    1 - Se o cadastrar a transportadora você preencheu os campos da aba Rota. 

    Menu Configurações > Formas de envio > Transportadoras


    2 - Se você optou por inserir uma planilha de transportadora, certifique-se de ter importado o arquivo. 

    Menu Configurações > Formas de envio > Transportadoras > Rotas


    3 - Você preencheu o campo CEP de origem. 

    Menu Configurações > Formas de envio > "Para cadastrar um CEP de origem e definir o local em que serão despachados os seus produtos, você precisa configurar um centro de distribuição, clicando aqui."


    4 - Verifique se a mensagem de transportadora indisponível está ativa. 

    Menu Loja virtual > Meus temas > Personalizar > Configurações > Checkout > Mensagem de transportadora indisponível.

    Ao ativar essa mensagem, o seu cliente não consegue simular o frete pela loja. 


    5 - Se a opção de entrega por transportadora está ativa no cadastro dos produtos. 

    Menu Catálogo > Produtos > Selecione o produto desejado > Métodos de envio


    6 - Se a forma de entrega por transportadora está ativa para o grupo de clientes. 

    Menu Clientes > Grupos > Selecione o grupo desejado > Métodos de envio


    Importante!

    Se você utiliza as transportadoras configuradas em algum HUB de transporte, procure pelo artigo do sistema de logística em uso.


    Não consigo importar a tabela de transportadora no painel da Dooca. E agora?

    Para que a sua tabela de transportadora seja importada para a Dooca, siga o passo a passo abaixo:


    1 - Baixe o arquivo de exemplo clicando aqui

    2 - O arquivo precisa estar salvo no formato CSV para ser importado. 

    3 - Para melhor visualizar a sua planilha, orientamos que abra em bloco de notas. 


    4 - Verifique se a sua planilha não possui espaçamento entre uma linha e outra.


    5 - Para que a tabela seja importada, ela precisa manter o padrão da Dooca, por isso não altere o cabeçalho. 

    cabeçalho planil.png


    5 - Certifique-se de não ter invertido o CEP inicial e o CEP final. 

    6 - Verifique se você inseriu um peso mínimo e um peso máximo. 

    7 - Os campos não podem ter mais do que duas casas após a virgula. 

    O cadastro deve ser 0,63; se em alguma linha você inserir 0,633 a sua tabela não será importada. 

    Casas após a virgula .png


    8 - O arquivo não pode ser maior que 24mb.

    9 - O CEP inicial e o CEP final precisam conter 8 dígitos. 



    Para uma guia deste tópico, valide os itens ao lado direito.
    Esse artigo foi útil?
    thumb_up0
    thumb_down2

    Ainda não encontrou o que procura?